Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Digo eu

Digo eu

O teu umbigo

 

 

 

 

Sabes qual é o grande problema de hoje em dia? É o olhar concentrado no teu próprio umbigo. É o não querer saber de quem está ao teu lado, quando estás mesmo ao lado de alguém que precisa da tua companhia. Alguém que até é tão bom ou melhor do que tu, com qualidades de pessoa altruísta mas que tu desprezas porque está com um problema que tu nem queres saber. É chato lidar com problemas. Mas eles existem! 

Se fosses tu? Imagina-te no lugar da pessoa que olha e se importa, que pergunta porque quer saber, que procura porque precisa.  De ti. Dos outros. Imagina-te ainda com um problema qualquer, sem saber a quem recorrer, olhando de forma desesperada para o lado e só ver, pessoas concentradas nos seus próprios umbigos. Imagina-te a correr à procura de alguém que te olhasse de forma genuína e que não a encontrasses em lugar nenhum da tua vida. Que loucura seria! Que tristeza seria! 

É o que mais acontece hoje em dia. Pessoas que não olham para os outros, que não querem saber, que não sabem lidar com problema nenhum, nem conhecem ninguém que se ofereça naturalmente para lhes fazer companhia, quando mais precisam. 

Ter problemas é difícil. Mas mais difícil ainda é saber que ninguém se importa. Que todos fogem na direcção oposta, olhando descaradamente para o seu próprio umbigo. O seu ego, a sua beleza, a sua conquista. Pessoas que não olham, que não veem, que não se importam. Pessoas que perderam a noção da sensibilidade, pessoas altamente egoístas que nem têm sequer condições para reparar nas suas piores características…